A STECK possui duas linhas de tomadas residenciais, Stella® e Sophie®, com módulos na opção de carregador USB. A vantagem da instalação modular é a flexibilidade de alternar as opções de conectividade e acionamento na mesma placa.

Steck

Além de mais eficientes no carregamento, as tomadas USB permitem dispensar o plugue convencional e permite uma estética mais limpa e minimalista independentemente de onde esteja aplicada.

É importante saber que, por estar conectado diretamente ao cabeamento, o módulo USB demanda uma pequena corrente – 12mA – mesmo quando não está carregando algum aparelho – é como se estivesse em stand by.

“Você pode zerar esse consumo fora de uso instalando um módulo de interruptor em série com a tomada para consumir energia somente quando necessário”, explica Nayara Diniz, coordenadora de produto da STECK Indústria Elétrica.

Outra dica para usar as tomadas USB sem problemas é sempre usar carregadores de celular ou tablets originais. Os modelos ‘piratas’, além da flagrante falta de qualidade, podem apresentar problemas de segurança que resultam em acidades como choques ou até incêndios.

“O carregamento USB geralmente padroniza a tensão em 5 V, mas possui variações de corrente que vão de 0,5 até 2 A. Carregadores que trabalham acima de 5 V,  estragam o aparelho e ainda podem provocar  acidentes. Procure também respeitar as indicações de corrente, pois se estiverem abaixo da indicada, pode diminuir a vida útil da bateria, e muito acima dela, vai sobrecarregar o conjunto”, completa Diniz.

Serviço
STECK Indústria Elétrica
(11) 2248-7000
steck.com.br